I made this widget at MyFlashFetish.com.

domingo

O Leão vem aí de novo mais vitaminado...


IR 2009 PODEM COMEÇAR A CHORAR
Imposto de Renda 2009... !

Receita Federal implantará em dois anos modelo em que contribuinte recebe o formulário já pronto, com valores.

Os 24,2 milhões de contribuintes brasileiros não vão mais precisar quebrar a cabeça na hora de preencher a declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física.

No prazo máximo de dois anos, eles vão passar a receber o formulário já pronto, incluindo o valor do tributo a pagar ou a restituição a receber, seguindo o modelo já usual do temido fisco norte-americano e recentemente implantado no Chile.

O sistema será alimentado com informações fornecidas por seus parceiros comerciais, entre prestadores de serviço, imobiliárias e cartórios.

Seu único trabalho será confirmar os dados ou fazer
pequenas modificações, se necessário.

A novidade foi divulgada ontem por Marcos Mazoni (nosso ex-colega da CRT), diretor-presidente do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

Embora a Receita Federal do Brasil tenha evitado se pronunciar sobre o assunto, o corpo técnico em Brasília participou esta semana da primeira reunião doano para discutir o Imposto de Renda para 2009.

A mudança virá já na gestão da nova secretária da Receita, Lina Vieira, que assumiu o posto quinta-feira passada.

Janir Adir Moreira, vice-presidente da Associação Brasileira de Direito Tributário (Abradt), calcula que a medida trará uma redução substancial na malha fina. 'A Receita já monitora todos os passos do contribuinte brasileiro e não há mais como omitir uma informação de rendimento na declaração. Se ela já tem todos os dados nas mãos para fiscalizar, por que não ajudar o contribuinte?', observa. Ele acredita que o procedimento irá poupar trabalho ao contribuinte e não irá induzi-lo a erro, já que as informações serão em boa medida repassadas por ele próprio e em seguida conferidas antes de dar o OK.

Atualmente, o contribuinte ou o contador indicado por ele tem por hábito recuperar os dados lançados na declaração de IR do ano anterior e salvar no novo arquivo, acrescentando uma ou outra alteração.

É diferente do que irá ocorrer no futuro, quando as informações serão fornecidas à Receita por terceiros. 'Quando o contribuinte compra uma casa na praia e registra em cartório, o cartório hoje já emite uma declaração que irá alimentar o banco de dados da Receita.

O mesmo irá ocorrer ele prestou ou pagou por um serviço, comprou ou vendeu ações, ou trocou o carro', lembra Moreira.

'É uma via de mão dupla. Hoje quem já tem certificação ou assinatura digital no Brasil tem acesso a todos os dados da sua conta corrente fiscal. Ele consegue saber se alguém declarou qualquer valor a ele', afirma. (Estado de Minas - Economia - Sandra Kiefer )

Estratégia é tudo


Um senhor vivia sozinho em Minnesota.Ele queria virar a terra de seu jardim para plantar flores, mas era um trabalho muito pesado.
Seu único filho, que o ajudava nesta tarefa, estava na prisão. O homem então escreveu a seguinte carta ao filho:
'Querido Filho, estou triste, pois não vou poder plantar meu jardim este ano. Detesto não poder fazê-lo, porque sua mãe sempre adorava as flores, esta é a época do plantio. Mas eu estou velho demais para cavar a terra. Se você estivesse aqui, eu não teria esse problema, mas sei que você não pode me ajudar, pois estás na prisão. Com amor, Seu pai.'

Pouco depois, o pai recebeu o seguinte telegrama: 'PELO AMOR DE DEUS, pai, não escave o jardim! Foi lá que eu escondi os corpos'
Como as correspondências eram monitoradas na prisão... Às quatro da manhã do dia seguinte, uma dúzia de Agentes do FBI e Policiais apareceram, e cavaram o jardim inteiro, sem encontrar nenhum corpo.

Confuso, o velho escreveu uma carta para o filho contando o que acontecera.
Esta foi a resposta: 'Pode plantar seu jardim agora, pai. Isso é o máximo que eu posso fazer no momento.'
Estratégia é tudo!!!

Nada como uma boa estratégia para conseguir coisas que parecem impossíveis.
Assim, é importante repensar sobre as pequenas coisas que muitas vezes nós mesmos colocamos como obstáculos em nossas vidas.

'Ter problemas na vida é inevitável, ser derrotado por eles é opcional'

sábado

A Vovó Rambo


A Vovó Rambo de Melbourne, Austrália A delicada vovó Ava Estelle, de 81 anos, ficou tão chocada quando dois delinqüentes estupraram sua neta de 18 anos que ela conseguiu localizar os desavisados ex-condenados - e os baleou nos testículos.

"A velha senhora passou uma semana caçando esses homens - e quando os encontrou vingou-se desta forma inusitada", disse Evan Delp, investigador da polícia de Melbourne. Em seguida ela tomou um taxi, foi até a delegacia de polícia mais próxima, colocou a arma no balcão do sargento de plantão e lhe disse, com toda a calma: "Por Deus, esses bastardos não vão estuprar mais ninguém!"

Os policiais disseram que Davis Furth, de 33 anos, ex-condenado e estuprador, perdeu o pênis e os testículos quando a ultrajada Ava abriu fogo com sua pistola de 9 mm no quarto do hotel onde ele vivia junto com Stanley Thomas, de 29 anos, seu companheiro de cela do período em que haviam cumprido pena na cadeia.


A polícia disse que a enrugada vingadora mandou para o outro mundo também os testículos de Thomas, mas o médico procurou salvar seu pênis mutilado. "Thomas não perdeu sua masculinidade mas o médico com quem conversei disse que ele não poderá usá-lo com antigamente" , disse o investigador Delp aos repórteres.

"Os dois homens ainda estão em más condições, mas acho que devem estar felizes por terem sobrevivido depois daquilo que passaram".

A Vovó Rambo entrou em ação em 21 de agosto, após sua neta Debbie ter sido agarrada e violentada em plena luz do dia pelos dois bandidos armados de facas.

"Quando vi a expressão no rosto da minha Debbie, aquela noite no hospital, decidi que sairia sozinha atrás daqueles bastardos porque imaginei que a lei seria branda com eles", relatou a bibliotecária aposentada.

"E eu não estava com medo deles porque eu tinha um revolver e tinha atirado durante toda a vida. E não fui tonta de devolvê-lo quando a lei mudou a respeito de possuir um."
Assim, usando um esboço dos suspeitos e da descrição feita por Debbie, firme como uma rocha, Ava passou sete dias rondando a vizinhança onde o crime havia acontecido até ver os azarados estupradores entrarem no hotel decadente em que moravam.


A idosa senhora relembra "Eu sabia que eram eles no minuto em que os vi, mas ainda assim fiz uma foto deles e a levei para Debbie e ela disse, segura como o diabo, que eram eles. Assim voltei para o hotel e encontrei o quarto deles e bati na porta, e no instante em que o grandão abriu a porta eu atirei em linha reta entre suas pernas, exatamente onde ele realmente ficaria mais ferido, sabe.

Então entrei e atirei no outro quando ele recuou, suplicando-me que o poupasse. Então fui até a delegacia de polícia e me entreguei."
Agora, especialistas perplexos tentam imaginar exatamente o que fazer com a vovó vigilante. "O que ela fez está errado e ela infringiu a lei, mas é difícil mandar uma velha senhora de 81 anos para a cadeia" - disse o investigador Delp - "Especialmente quando 3 milhões de pessoas na cidade querem nomeá-la prefeito."

DEPORTEM-NA... PARA O BRASIL... PRECISAMOS DELA !!!!!

Poder ser um texto fictício, porém nos leva a uma reflexão sobre impunidade em certas atitudes que ocorrem mundo afora, pois "A ficção é nosso sonho acordado"

sexta-feira

O que uma escritora holandesa falou sobre o Brasil


“ LEIA COM BASTANTE ATENÇÃO”

- Os brasileiros acham que o mundo todo presta, menos o Brasil, realmente
parece que é um vício falar mal do Brasil. Todo lugar tem seus pontos
positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto
no Brasil se maximizam os negativos. Aqui na Holanda, os resultados das
eleições demoram horrores porque não há nada automatizado.
Só existe uma companhia telefônica e pasmem!: Se você ligar reclamando do
serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.

Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche
em um guardanapo - ou de lavar as mãos antes de comer. Nas padarias, feiras
e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja
entregam o pão ou a carne.

Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas
em folhas de jornal - e tem fila na porta.

Na Europa, não-fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri
na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.

Em Paris
, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer
garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de 'Como conquistar o
Cliente'.

Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo? Impõem suas
crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a
bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos.

Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua
portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de
software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar
com os seus usuários brasileiros através da língua Portuguesa.

Os brasileiros são vitimas de vários crimes contra a pátria, crenças,
cultura, língua, etc... Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos
muitas razões para resgatar suas raízes culturais.

Os dados são da Antropos Consulting:

1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de
outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.

2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do

Projeto Genoma.

3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio
de Janeiro foi considerada a mais solidária.

4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE)
estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos

de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma
das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos
teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em
xeque a credibilidade do processo.

5.. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros
representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.

6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se
instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.

7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.

8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650
mil novas habilitações a cada mês.

Na telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas
instaladas.

10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-
9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas
300 empresas e 265 na Argentina.

11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?

1. Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é

maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?

2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?

3. Que suas agências de publicidade ganham os melhores e maiores prêmios
mundiais?

4. Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de
70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo
em trabalhos voluntários?

5. Por que não dizem que são hoje a terceira maior democracia do mundo?

6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?

7. Por que não se lembram que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que
se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços
para atendê-los bem?

Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e
que enfrenta os desgostos sambando.

É! O Brasil é um país abençoado de fato.
Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os
credos.

Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques.
Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda
gente.
Bendita seja, querida pátria chamada
Brasil!!

Reflita e converse sobre este desabafo com o máximo de pessoas que você puder. Com essa
atitude, talvez não consigamos mudar o modo de pensar de cada brasileiro,
mas ao ler estas palavras irá, pelo menos, por alguns momentos, pensar um pouco e
se orgulhar de ser BRASILEIRO!!!


Recebí por e-mail de um colaborador, não se referiu ao nome da escritora, porém achei interessante

o conteúdo e resolvi postar aqui para que ao menos, nos leve a uma reflexão sobre nosso País.



Fantástico, mas verdadeiro...

Faça esse teste e veja se você consegue.

VOCÊ TEM CONTROLE SOBRE O SEU PÉ DIREITO?

Se não conseguir, pelo menos dará
boas risadas... Tire a prova você mesmo, para ver se você tem controle
de seu pé direito.

Quando você estiver sentado à sua mesa, faça círculos
com o seu pé direito no sentido dos ponteiros de
um relógio.

Enquanto estiver fazendo isso, desenhe na mesa o número 6 com a sua mão direita.
O movimento do seu pé vai mudar de direção...
Vai circular contrário aos ponteiros de um relógio.

Não adianta, é o mesmo local do cérebro que comanda...

Conseguiu? me avise!

O marido se enganou...

Um casal estava dormindo profundamente como inocentes bebês.
De repente, lá pelas três hora da manhã, escutam ruídos fora do quarto.
A mulher se sobressalta e totalmente espantada diz para o
homem:
- Aaaaaiiiiiii, deve ser o meu marido!!!
O cara se levanta espantadíssimo e peladão, pula como pode pela
janela e cai em cima de uma planta com espinhos.
Em poucos segundos ele volta e diz:
- Desgraçada...teu marido sou eu!!!
- É? E pulou a janela por quê?

quarta-feira

Agradecimento e repassando selo


Muito Obrigado Amiga SOL do blog Flores e Pérolas

As Regras:


Devem repassar esse selo a pelo menos cinco blogs que considerem simpáticos.


Quando repassar devem incluir no texto um link para Goflinho Alegre (afinal foi onde começou)


Devem continuar a visitar o Trocando Idéias com frequencia ( essa é fácil )




Ofereço para os blogs:


Mosaico da Psicologia da amiga Sílvia


Notícias da Bota da amiga Cris


Compartilhando as Letras da amiga Sônia


Link Mania do amigo Guigo


Cineplaneta do amigo Paulo













segunda-feira

Novas técnicas para dar prazer a uma mulher!





Em geral os conselhos relacionados ao assunto raramente rendem o sucesso esperado.

Mas não é o caso destas cinco técnicas infalíveis. Quer deixar sua parceira "louquinha" de prazer? Comece seguindo estes conselhos.


(Atenção: Segredos revelados por uma mulher.)


Técnica nº1 : Mãos Molhadas
Sim, a técnica das mãos molhadas. Certamente a mais popular entre as mulheres.

Tão simples.

Tão excitante.

Você vai deixá-la sem fôlego:

Faça sua parceira sentar-se em uma cadeira confortável na cozinha.

Certifique-se que ela consegue ver muito bem tudo que você faz.

Encha a pia da cozinha com água e adicione algumas gotas de detergente para louça com aroma. (Existem muitos aromas que podem ser utilizados -maçã, limão, lavanda - escolha o que quiser.

Se estiver em dúvida, experimente o 'neutro').

Segurando uma esponja macia , submerja suas mãos na água e sinta sua pele ser envolvida

pelo líquido até que a esponja esteja bem molhada..

Agora, movendo-se devagar e gentilmente, pegue um prato sujo do jantar,

coloque-o dentro da pia e esfregue a esponja em toda a superfície do prato.

Vá esfregando com movimentos circulares até que o prato esteja limpo.

Enxague o prato com água limpa e coloque-o para secar.

Repita com toda a louça do jantar até que sua parceira esteja gemendo de prazer.



Técnica nº2:

Vibrando pela Sala
Esta técnica utiliza o que para muitas mulheres é considerado um "brinquedinho".

É um pouco mais difícil do que a primeira, mas com algum treino você vai fazer com

que sua parceira grite de prazer.

Cuidadosamente apanhe o aspirador de pó no lugar onde ele fica guardado.

Seja gentil, demonstre a ela que você sabe o que está fazendo.

Ligue-o na tomada, aperte os botões certos na ordem correta.

Vagarosamente vá movendo-se para frente e para trás, para frente e para trás...

por todo o carpete da sala. Você saberá quando deve passar para uma nova área.

Vá mudando gradativamente de lugar.

Repita quantas vezes seja necessário até atingir os resultados.



Técnica n°3 :

A Camiseta Molhada
Este joguinho é bem fácil, embora você precise de mente rápida e reflexos certeiros.

Se você for capaz de administrar corretamente a agitação e a vibração do processo,

sua parceira falará de sua perfomance a todas as amigas dela.

Você precisará de duas pilhas de roupas sujas.

Uma com as roupas brancas, e outra com as coloridas.

Encha a máquina de lavar com água e vá derramando gentilmente o sabão em pó dentro dela

(para deixar a mulher ofegante, use exatamente a quantidade recomendada pelo fabricante).

Agora, sensualmente coloque as roupas brancas na máquina... uma de cada vez.... devagar.

Feche a tampa e ligue o 'ciclo completo'.

Enquanto você vê sua companheira babar de desejo por você,

essa é uma ótima oportunidade para pôr em prática a Técnica nº2.

Ao fim do ciclo, retire as roupas da máquina e estenda-as para secar.

Repita a operação com as roupas coloridas..

Atenção:

Se nesse ponto ela começar a gritar algo como: -

"Sim! Sim! Ai! Isso! Ai mesmo! Oh meu Deus! Não pára! Não pára não!" Não pare.

Continue até que ela esteja exausta de prazer.


Técnica nº4:

O que sobe, desce
Esta é uma técnica muito rapidinha.

Para aqueles momentos em que você quer surpreendê-la com um toque de satisfação

e felicidade.

Pode ter certeza, ela não vai resistir.

Ao ir ao banheiro, levante o assento do vaso. Ao terminar, abaixe novamente.

Faça isso todas as vezes.

Ela vai precisar de atendimento médico de tanto prazer.



Técnica nº5:

Gratificação Total
Cuidado:

colocar em prática esta técnica pode levar sua companheira a um tal estado

de sublimação que será difícil depois acalmá-la, podendo causar riscos

irreversíveis a saúde da mulher.

Esta técnica leva algum tempo para aperfeiçoar. Empenhe-se com afinco.

Experimente sozinho algumas vezes durante a semana e tente surpreendê-la

numa sexta-feira à noite. Funciona melhor se ela trabalha fora e chega cansada em casa.

Aprenda a fazer uma refeição completa.

Seja bom nisso.

Quando ela chegar em casa, convença-a a tomar um banho relaxante

(de preferência aromático em uma banheira de água morna que você já preparou).

Enquanto ela está lá, termine o jantar que você já adiantou antes dela chegar em casa.

Após ela estar relaxada pelo banho e saciada pelo jantar,

proceda com a Técnica nº1.

Preste atenção nela pois o estado de satisfação será extremamente alto,

podendo causar coma repentino.

Outras teorias...

sexta-feira

Direitos Humanos são para todos???

'DIREITOS HUMANOS SÃO PARA HUMANOS DIREITOS'


*Carta enviada de uma mãe para outra mãe em SP, após noticiário na tv:

De mãe para mãe...

Vi seu enérgico protesto diante das câmeras de televisão contra a
transferência do seu filho, menor infrator, das dependências da FEBEM
em São Paulo para outra dependência da FEBEM no interior do Estado.
Vi você se queixando da distância que agora a separa do seu filho, das
dificuldades e das despesas que passou a ter para visitá-lo, bem como
de outros inconvenientes decorrentes daquela transferência.

Vi também toda a cobertura que a mídia deu para o fato, assim como vi
que não só você, mas igualmente outras mães na mesma situação que
você, contam com o apoio de Comissões Pastorais, Órgãos e Entidades de
Defesa de Direitos Humanos, ONGs, etc....

Eu também sou mãe e, assim, bem posso compreender o seu protesto.

Quero com ele fazer coro.

Enorme é a distância que me separa do meu filho.
Trabalhando e ganhando pouco, idênticas são as dificuldades e as
despesas que tenho para visitá-lo.
Com muito sacrifício, só posso fazê-lo aos domingos porque labuto,
inclusive aos sábados, para auxiliar no sustento e educação do resto
da família.
Felizmente conto com o meu inseparável companheiro, que desempenha,
para mim, importante papel de amigo e conselheiro espiritual.
Se você ainda não sabe, sou a mãe daquele jovem que o seu filho matou
estupidamente num assalto a uma vídeo locadora, onde ele, meu filho,
trabalhava durante o dia para pagar os estudos à noite.

No próximo domingo, quando você estiver abraçando, beijando e fazendo
carícias no seu filho, eu estarei visitando o meu e depositando flores
no seu humilde túmulo, num cemitério da periferia de São Paulo...

Ah! Ia me esquecendo: e também ganhando pouco e sustentando a casa,
pode ficar tranqüila, viu? que eu estarei pagando de novo, o colchão
que seu querido filho queimou lá na última rebelião da Febem.

No cemitério, nem na minha casa, NUNCA apareceu nenhum representante
destas 'Entidades' que tanto lhe confortam, para me dar uma palavra de
conforto, e talvez me indicar 'Os meus direitos' !'


PENSE NISSO: Talvez a gente consiga acabar com esta
inversão de valores que assola o Brasil.

Direitos humanos são para humanos direitos !!!



terça-feira

Interessante Entrevista Com Roberto Shinyashiki

A revista Isto é publicou esta
entrevista de Camilo Vannuchi. O entrevistado é Roberto
Shinyashiki,médico psiquiatra, com Pós-Graduação em administraçãode empresas pela USP, consultor organizacional e conferencista de renome nacional e internacional. Acho que vale a divulgação. Achei muito interessante.

'Cuidado com os burros motivados'

Em 'Heróis de Verdade', o escritor combate a supervalorização da aparência e diz que falta ao Brasil competência, e não auto-estima.


ISTOÉ -- Quem são os heróis de verdade?

Roberto Shinyashiki -- Nossa sociedade ensina que, para ser
uma pessoa de sucesso, você precisa ser diretor de uma multinacional, ter carro importado, viaja r de primeira classe. O mundo define que poucas pessoas deram certo. Isso é uma loucura. Para cada diretor de empresa, há milhares de funcionários que não chegaram a ser gerentes. E essas
pessoas são tratadas como uma multidão de fracassados.
Quando olha para a própria vida,a maioria se convence de que não valeu a pena porque não conseguiu ter o carro nem a casa maravilhosa. Para mim, é importante que o filho da moça que trabalha na minha casa possa se orgulhar da mãe. O mundo precisa de pessoas mais simples e transparentes. Heróis de verdade são aqueles que trabalham para realizar seus projetos de vida, e não para impressionar os outros. São pessoas que sabem pedir desculpas e admitir que erraram.

ISTOÉ -- O sr. citaria exemplos?
Shinyashiki -- Dona Zilda Arns, que não vai a determinados
programas de tevê nem aparece de Cartier, mas está salvando milhões de pessoas.
Quando eu nasci, minha mãe era empregada doméstica e meu pai, órfão aos sete anos,empregado em uma farmácia. Morávamos em um bairro miserável em São Vicente (SP) chamado Vila Margarida. Eles são meus heróis. Conseguiram criar seus quatro filhos, que hoje estão bem.
Acho lindo quando o Cafu põe uma camisa em que está escrito '100% Jardim Irene'. É pena que a maior parte das pessoas esconda suas raízes. O resultado é um mundo
vítima da depressão, doença que acomete hoje 10% da
população americana. Em países como Japão, Suécia e Noruega, há mais suicídio do que homicídio. Por que tanta gente se mata? Parte da culpa está na depressão das aparências, que acomete a mulher que, embora não ame mais
o marido, mantém o casamento, ou o homem que passa décadas em um emprego que não o faz se sentir realizado,mas o faz se sentir seguro.

ISTOÉ -- Qual o resultado disso?
Shinyashiki -- Paranóia e depressão cada vez mais precoces. O pai quer preparar o filho para o futuro e mete o menino em aulas de inglês,informática e mandarim. Aos nove ou dez anos a depressão aparece. A única coisa que prepara uma criança para o futuro é ela poder ser criança. Com a desculpa de repará-los para o futuro, os malucos dos pais estão roubando a infância dos filhos. Essas crianças serão adultos inseguros e terão discursos hipócritas. Aliás, a hipocrisia já predomina no mundo corporativo.

ISTOÉ - Por quê?

Shinyashiki -- O mundo corporativo virou um mundo de faz-de-conta, a começar pelo processo de
recrutamento. É contratado o sujeito com mais marketing
pessoal. As corporações valorizam mais a auto-estima do que a competência. Sou presidente da Editora Gente e entrevistei uma moça que respondia todas as minhas perguntas com uma ou duas palavras. Disse que ela não parecia demonstrar interesse. Ela me respondeu estar muito interessada, mas, como falava pouco, pediu que eu pesasse o desempenho
dela, e não a conversa. Até porque ela era candidata a um
emprego na contabilidade, e não de relações públicas. Contratei-a na hora. Num processo clássico de seleção, ela não passaria da primeira etapa.

ISTOÉ -- Há um script estabelecido?

Shinyashiki -- Sim. Quer ver uma pergunta estúpida feita
por um Presidente de multinacional no programa O aprendiz?
'Qual é seu defeito?' Todos respondem que o defeito é não pensar na vida pessoal:
'Eu mergulho de cabeça na empresa. Preciso aprender a
relaxar'. É exatamente o que o Chefe quer escutar. Por que você acha que nunca
alguém respondeu ser desorganizado ou esquecido? É
contratado quem é bom em conversar, em fingir. Da mesma forma, na maioria das vezes, são promovidos aqueles que fazem o jogo do poder. Ovice-presidente de uma dasmaiores empresas do planeta me disse: 'Sabe, Roberto, ninguém chega à vice-presidência sem mentir'. Isso significa que quem fala a verdade não chega a diretor?

ISTOÉ -- Temos um modelo de gestão que premia pessoas mal
preparadas?

Shinyashiki -- Ele cria pessoas arrogantes, que não têm a
humildade de se preparar, que não têm capacidade de ler um livro até o fim e não se preocupam com o conhecimento. Muitas equipes precisam de motivação, mas o maior problema no Brasil é competência. Cuidado com os burros motivados. Há muita gente motivada fazendo besteira. Não adianta você
assumir uma função para a qual não está preparado. Fui
cirurgião e me orgulho de nunca um paciente ter morrido na minha mão. Mas tenho a
humildade de reconhecer que isso nunca aconteceu graças a
meus chefes, que foram sábios em não me dar um caso para o qual eu não estava
preparado. Hoje, o garoto sai da faculdade achando que sabe
fazer uma neurocirurgia. O Brasil se tornou incompetente e não acordou para isso.

ISTOÉ -- Está sobrando auto-estima?

Shinyashiki -- Falta às pessoas a verdadeira auto-estima.
Se eu preciso que os outros digam que sou o melhor,minha auto-estima está baixa.
Antes,o ter conseguia substituir o ser. O cara mal-educado
dava uma gorjeta alta para conquistar o respeito do garçom. Hoje, como as pessoas não conseguem nem ser nem ter, o objetivo de vida se tornou
parecer. As pessoas parecem que sabem, parece que fazem,
parece que acreditam. E poucos são humildes para confessar que não sabem. Há muitas mulheres solitárias no Brasil que preferem dizerque é melhor
assim. Embora a auto-estima esteja baixa, fazem pose de que está tudo bem.

ISTOÉ -- Por que nos deixamos levar por essa necessidade
de sermos perfeitos em tudo e de valorizar a aparência?

Shinyashiki -- Isso vem do vazio que sentimos. A gente
continua valorizando os heróis. Quem vai salvar o Brasil? O Lula.
Quem vai salvar o time? O técnico. Quem vai salvar meu casamento? O terapeuta. O problema é que eles não vão salvar nada! Tive um professor de filosofia que dizia: 'Quando você quiser entender a essência do ser humano, imagine a rainha Elizabeth com uma crise de diarréia durante um jantar
no Palácio de Buckingham'. Pode parecer incrível, mas a rainha Elizabeth também tem diarréia. Ela certamente já teve
dor de dente, já chorou de tristeza, já fez coisas que não deram certo. A gente tem de parar de procurar super-heróis. Porque se o super-herói não segura a onda, todo mundo o considera um fracassado.

ISTOÉ -- O conceito muda quando a expectativa não se
comprova?

Shinyashiki -- Exatamente. A gente não é super-herói nem
superfracassado. A gente acerta, erra, tem dias de alegria
e dias de tristeza. Não há nada de errado nisso. Hoje, as pessoas estão questionando o Lula em parte porque acreditavam que ele fosse mudar suas vidas e se decepcionaram. A crise será positiva se elas entenderem
que a responsabilidade pela própria vida é delas.

ISTOÉ -- Muitas pessoas acham que é fácil para o Roberto
Shinyashiki dizer essas coisas, já que ele é bem-sucedido. O senhor tem defeitos?

Shinyashiki -- Tenho minhas angústias e inseguranças. Mas
aceitá-las faz minha vida fluir facilmente. Há várias coisas que eu queria e não consegui. Jogar na Seleção Brasileira, tocar nos Beatles(risos). Meu filho mais velho nasceu com uma doença cerebral e hoje tem 25 anos. Com uma criança especial, eu aprendi que ou eu a amo do jeito que ela é ou
vou massacrá-la o resto da vida para ser o filho que eu
gostaria que fosse. Quando olho para trás, vejo que 60% das coisas quefiz deram certo. O resto foram apostas e erros. Dia desses apostei na edição de um livro que não deu certo. Um amigão me perguntou:
'Quem decidiu publicar esse livro?' Eu respondi que tinha sido eu. O erro foi meu. Não preciso mentir.

ISTOÉ - Como as pessoas podem se livrar dessa tirania da
aparência?

Shinyashiki -- O primeiro passo é pensar nas coisas que
fazem as pessoas cederem a essa tirania e tentar
evitá-las. São três fraquezas. A primeira é precisar de
aplauso, a segunda é precisar se sentir amada e a terceira é buscar segurança. Os Beatles foram recusados por gravadoras e nem por isso desistiram. Hoje, o erro das escolas de música é definir o estilo do aluno.
Elas ensinam a tocar como o Steve Vai, o B. B. King ou o Keith Richards. Os MBAs têm
o mesmo problema: ensinam os alunos a serem covers do Bill
Gates. O que as escolas deveriam fazer é ajudar o aluno a desenvolver suas próprias potencialidades.

ISTOÉ -- Muitas pessoas têm buscado sonhos que não são
seus?

Shinyashiki -- A sociedade quer definir o que é certo.
São quatro loucuras da sociedade. A primeira é instituir que todos têm de ter sucesso, como se ele não tivesse significados individuais.
A segunda loucura é: Você tem de estar feliz todos os dias.
A terceira é: Você tem que comprar tudo o que puder. O resultado é esse consumismo absurdo. Por fim, a quarta loucura:
Você tem de fazer as coisas do jeito certo. Jeito certo
não existe. Não há um caminho único para se fazer as coisas. As metas são interessantes para o sucesso, mas não para a felicidade. Felicidade não é uma meta, mas um estado de espírito. Tem gente que diz que não será feliz
enquanto não casar, enquanto outros se dizem infelizes justamente por causa do casamento. Você pode ser feliz tomando sorvete, ficando em casa com a família ou amigos verdadeiros, levando os filhos para brincar ou indo a praia ou ao cinema. Quando era recém-formado em São
Paulo, trabalhei em um hospital de pacientes terminais.
Todos os dias morriam nove ou dez pacientes. Eu sempre procurei conversar com eles na hora da morte. A maior parte pega o médico pela camisa ediz: 'Doutor,
não me deixe morrer. Eu me sacrifiquei a vida inteira,
agora eu quero aproveitá-la e ser feliz'. Eu sentia uma dor enorme por não poder fazer nada. Ali eu aprendi que a felicidade é feita de coisas pequenas.
Ninguém na hora da morte diz se arrepender por não ter
aplicado o dinheiro em imóveis ou ações, mas sim de ter esperado muito tempo ou perdido várias oportunidades para aproveitar a vida.

TELEFONEMA DO SUS - Serviço Único de Saúde


O telefone toca e a dona da casa atende:

- Alô!

- Sra.Silva, por favor!

- É ela.

- Aqui é Dr. Arruda do Laboratório.

Ontem, quando o médico enviou a biópsia do seu marido para o laboratório,

uma biopsia de um outro Sr. Silva chegou também

e agora não sabemos qual é do seu marido e infelizmente,

os resultados são ambos ruins...

- O que o senhor quer dizer?

- Um dos exames deu positivo para Alzheimer e o outro deu positivo para AIDS.

Nós não sabemos qual é o do seu marido.

- Nossa! Vocês não podem repetir os exames?

- O SUS somente paga esses exames caros uma única vez por paciente.

- Bem, o Sr. me aconselha a fazer o que?

- O SUS aconselha que a senhora leve seu marido

para algum lugar bem longe da sua casa e o deixe por lá.

Se ele conseguir achar o caminho de volta, não faça mais sexo com ele.



domingo

Cochilo Rápido Pode Melhorar a Memória


Estudo mostra que cochilo rápido pode melhorar a memória

Segundo neuropsicóloga, dados confirmam que qualidade de sono é imprescindível para o desempenho no trabalho

Segundo pesquisa da Universidade de Dusseldorf, na Alemanha, cochilos rápidos de até seis minutos podem melhorar o desempenho da memória. Os assuntos (sono e memória) já foram relacionados em diversos estudos, mas será que têm ligação?

De acordo com a neuropsicóloga do Hospital Albert Einstein, Camila Prade, várias pesquisas debatem o mesmo tema e comprovam realmente que o sono melhora a capacidade mental. "Esta [pesquisa] é a primeira que fala de um tempo curto de sono, as demais falam de 20 minutos ou mais".

Por isso, Camila disse que os dados do novo estudo devem ser vistos com cautela. A neuropsicóloga ressalta que o sono é fundamental para os processos mentais acontecerem e para que a pessoa melhore a capacidade de atenção e memorização durante o dia.

Vida profissional

Frente aos estudos, Camila disse que é possível fazer duas afirmações. A primeira é que as pessoas devem ter um sono de qualidade para melhorar a capacidade mental e, conseqüentemente, o desempenho no trabalho. "Se tiver dificuldade de dormir, busque logo um médico".

Outro ponto a considerar é a necessidade de haver um intervalo durante a jornada de trabalho.

"Para quem lê muito ou fica muito tempo em frente ao computador, vá beber água, converse um pouco com os colegas e se distraia".

Ao ser questionada sobre o fato de ser indicado ou não dormir em intervalos do trabalho, ela disse que os estudos mostram que é benéfico. "As pesquisas são um fundamento para as dormidas que os espanhóis dão no meio do dia", afirmou.

Estudos

Publicado na revista New Scientist, o estudo da universidade alemã mostra que estudantes submetidos ao cochilo tiveram mais facilidade em memorizar palavras passadas a eles antes do sono "ultra curto".

Outro estudo, da Universidade de Harvard, dos Estados Unidos, mostrou que dormir no intervalo do trabalho no período de uma hora ajuda a melhorar a performance. No teste, foi medida a rapidez com que as pessoas que dormiram memorizavam informações visuais.

O amendoim

O cara estava bebendo cerveja, comendo amendoim e vendo TV na sala, "vigiando" a filhinha de 15 anos que namorava na varanda.
Sono pegando, cerveja fazendo efeito, ouvido começa a coçar e o babaca começa a cutucar o ouvido com um amendoim até que a casca do amendoim quebra e o caroço de amendoim entala no ouvido.
O cara fica desesperado, começa a tentar tirar o amendoim com o dedo e empurra mais prá dentro! Pega uma tampinha de caneta Bic e, merda! O amendoim entrou mais ainda.
Nisso o sujeito já estava louco, gritando, chamando a mulher, que veio correndo, apavorada já queria levar o maridão bêbado para o hospital, o cara não queria pagar mico!
Sou um cara de posição, não posso me expor ao ridículo, etc..
A filha e o namorado (de 17 anos...) entram na sala pra ver o que estava acontecendo.
A filha: - "Pai, que é isso! Que vergonha!"
O gaiato (namorado da filha): -"Calma, que eu dou um jeito! Quando era escoteiro, eu que socorria os amigos!"
O entalado, que tava sem graça, apavorado, e agora puto com aquele sujeitinho dando palpite, acabou aceitando ajuda.
O sujeitinho mete dois dedos no nariz do marmanjo, diz:
-"Fecha a boca e sopra pelo nariz com bastante força!!"
E não é que o maldito amendoim saiu do ouvido?
O namoradinho sai todo convencido, a filha toda apaixonada, e a mulher, encantada com o eficientíssimo rapaz e diz pro maridão:
-"Viu que gracinha? Tão calmo, tão controlado nas emergências. O que será que ele vai ser?!?!?! "
E o maridão, bufando de raiva, responde:
- "Pelo cheiro dos dedos do filho da puta, ginecologista!!!!"

...coisas da vida!!!



quarta-feira

Um Alerta Para os Pais: "O Uso do Não"

Prezados Amigos: Recebi este e-mail de um amigo e resolvi postar aqui no blog
por concordar na íntegra com tudo a que ele se refere.

ALERTA!!!!!!!!
Criando um Monstro

O que pode criar um monstro? O que leva um rapaz de 22 anos a estragar a própria vida e a vida de outras duas jovens por... Nada?

Será que é índole? Talvez, a mídia? A influência da televisão? A situação social da violência? Traumas? Raiva contida? Deficiência social ou mental?
Permissividade da sociedade? O que faz alguém achar que pode comprar armas de fogo, entrar na casa de uma família, fazer reféns, assustar e desalojar vizinhos, ocupar a polícia por mais de 100 horas e atirar em duas pessoas inocentes?

O rapaz deu a resposta: "ela não quis falar comigo". A garota disse Não, não quero mais falar com você. E o garoto, dizendo que ama, não aceitou um não.
Seu desejo era mais importante.

Não quero ser comparado como um desses psicólogos de araque que infestam os programas vespertinos de televisão, que explicam tudo de maneira muito simplista e fala descontextualizadamente sobre a vida dos outros sem serem chamados.
Mas ontem, enquanto não conseguia dormir pensando nesse absurdo todo, pensei que o não da menina Eloá foi o único. Faltaram muitos outros nãos nessa história toda.

Faltou um pai e uma mãe dizerem que a filha de 12 anos NÃO podia namorar um rapaz de 19. Faltou uma outra mãe dizer que NÃO iria sucumbir ao medo e ir lá tirar o filho do tal apartamento a puxões de orelha. Faltou outros pais dizerem que NÃO iriam atender ao pedido de um policial maluco de deixar a filha voltar para o cativeiro de onde, com sorte, já tinha escapado com vida. Faltou à polícia dizer NÃO ao próprio planejamento errôneo de mandar a garota de volta pra lá. Faltou o governo dizer NÃO ao sensacionalismo da imprensa em torno do caso, que permitiu que o tal sequestrador conversasse e chorasse compulsivamente em todos os programas de TV que o procuraram.
Simples assim. NÃO. Pelo jeito, a única que disse não nessa história foi punida com uma bala na cabeça.

O mundo está carente de nãos. Vejo que cada vez mais os pais e professores morrem de medo de dizer não às crianças. Mulheres ainda têm medo de dizer não aos maridos (e alguns maridos, temem dizer não às esposas). Pessoas têm medo de dizer não aos amigos. Noras que não conseguem dizer não às sogras, chefes que não dizem não aos subordinados, gente que não consegue dizer não aos próprios desejos. E assim são criados alguns monstros. Talvez alguns não cheguem a sequestrar pessoas. Mas têm pequenos surtos quando escutam um não, seja do guarda de trânsito, do chefe, do professor, da namorada, do gerente do banco. Essas pessoas acabam crendo que abusar é normal.. E é legal.

Os pais dizem, "não posso traumatizar meu filho". E não é raro eu ver alguns tomando tapas de bebês com 1 ou 2 anos. Outros gastam o que não têm em brinquedos todos os dias e festas de aniversário faraônicas para suas crias.
Sem falar nos adolescentes. Hoje em dia, é difícil ouvir alguém dizer não, você não pode bater no seu amiguinho. Não, você não vai assistir a uma novela feita para adultos. Não, você não vai fumar maconha enquanto for contra a lei. Não, você não vai passar a madrugada na rua. Não, você não vai dirigir sem carteira de habilitação. Não, você não vai beber uma cervejinha enquanto não fizer 18 anos. Não, essas pessoas não são companhias pra você.
Não, hoje você não vai ganhar brinquedo ou comer salgadinho e chocolate.
Não, aqui não é lugar para você ficar. Não, você não vai faltar na escola sem estar doente. Não, essa conversa não é pra você se meter. Não, com isto você não vai brincar. Não, hoje você está de castigo e não vai brincar no parque.

Crianças e adolescentes que crescem sem ouvir bons, justos e firmes NÃOS crescem sem saber que o mundo não é só deles. E aí, no primeiro não que a vida dá ( e a vida dá muitos ) surtam. Usam drogas. Compram armas. Transam sem camisinha.. Batem em professores. Furam o pneu do carro do chefe. Chutam mendigos e prostitutas na rua. E daí por diante.

Não estou defendendo a volta da educação rígida e sem diálogo, pelo contrário. Acredito piamente que crianças e adolescentes tratados com um amor real, sem culpa, tranquilo e livre, conseguem perfeitamente entender uma sanção do pai ou da mãe, um tapa, um castigo, um não. Intuem que o amor dos adultos pelas crianças não é só prazer - é também responsabilidade. E quem ouve uns nãos de vez em quando também aprende a dizê-los quando é preciso. Acaba aprendendo que é importante dizer não a algumas pessoas que tentam abusar de nós de diversas maneiras, com respeito e firmeza, mesmo que sejam pessoas que nos amem. O não protege, ensina e prepara.

Por mais que seja difícil, eu tento dizer não aos seres humanos que cruzam o meu caminho quando acredito que é hora - e tento respeitar também os nãos que recebo. Nem sempre consigo, mas tento. Acredito que é aí que está a verdadeira prova de amor. E é também aí que está a solução para a violência cada vez mais desmedida e absurda dos nossos dias.

(Recebido por e-mail de colaborador)

domingo

Alerta!!! Cuidado com os Vírus Mentais

Vírus mentais atacam sua mente...

As pessoas andam muito preocupadas com os vírus em seus
programas de computador, mas se esquecem que há certos tipos de
pensamentos automáticos que provocam verdadeiras panes em suas
próprias mentes.Passe agora um ANTIVÍRUS em seu cérebro! Se detectar
algum desses vírus, delete-o imediatamente:

Vírus 1- Vírus do sempre/nunca: Esse vírus ocorre quando você pensa
que alguma coisa que aconteceu vai SEMPRE se repetir, ou que você
NUNCA vai conseguir o que quer.

Variantes do vírus: Ele SEMPRE me diminui, ninguém vai telefonar pra
mim, eu NUNCA vou conseguir um aumento, todo mundo SEMPRE se aproveita
de mim, meus filhos NUNCA me ouvem. Quando você perceber este vírus,
delete-o usando os programas da sua consciência.

Vírus 2- Vírus do negativismo: ocorre quando seus pensamentos
refletem apenas o lado ruim de uma situação e ignoram qualquer parte
boa. Delete-o com o programa otimismo.exe.

Vírus 3 - Vírus de catástrofe: esse terrível vírus ocorre quando
você prevê o pior resultado possível de uma situação. Ele provoca um
colapso em suas iniciativas, fazendo-o desistir antes de tentar. O
antivírus para este é cair na real.

Vírus 4 - Vírus de leitura das mentes: este vírus está agindo sempre
que você acha que sabe o que as pessoas estão pensando, Mesmo que elas
não lhe tenham dito nada. O antivírus é lembrar que já é meio difícil
ler a própria mente, quanto mais a dos outros.

Vírus 5 - Vírus pensar com sensações: estes vírus em geral te
infectaram em alguma situação desagradável no passado. Agora,
situações semelhantes vão provocar pensamentos negativos: "Eu tenho a
sensação que isso não vai Dar certo"... Simplesmente DELETE O BICHO!

Vírus 6 - Vírus da culpa: substitua palavras como: eu deveria, eu
preciso, eu poderia, eu tenho que... Por: eu quero, eu vou, eu posso
fazer assim... Não fique centrado no passado. Use o "antivírus momento
presente".

Vírus 7 - Vírus rotulação: sempre que esse vírus coloca um rótulo em
você mesmo ou em outra pessoa, ele detém a sua capacidade de ter uma
visão clara da situação.
Variantes - Tonto, arrogante, irresponsável e mais de um milhão de
rótulos auto-instaláveis. O rótulo generaliza, transformando a
realidade das pessoas em imagens virtuais de sua imaginação infectada.
O melhor anti vírus pra ele é o "ampliação da consciência.exe ".

Vírus 8 - Vírus da personalização: esse faz você levar tudo pro lado
pessoal. Exemplo: quando alguém passa por você de cara amarrada E não
te cumprimenta, o vírus faz CRER que a pessoa certamente está com
raiva de você. A "expansão da consciência.exe"deleta muito bem este
tipo de vírus.

Vírus 9 - Vírus culpar os outros: é um dos piores vírus! Ao culpar
automaticamente os outros pelos problemas da sua vida, este vírus o
torna impotente para responsabilizar-se pelo próprio destino. Incapaz
de mudar qualquer coisa. Use o "antivírus da autoestima.exe" e pare de
projetar nos outros as suas próprias culpas.

Vírus 10 - Vírus do medo: é o pior de todos os vírus do pensamento!
Comprime completamente sua vida. Bloqueia todo o sistema De sua
realização e de relacionamento. Delete os "reflexos da intimidação
exterior" e instale o programa "auto-confiança" !

MANTENHA OS SEUS ANTIVÍRUS DE PENSAMENTO SEMPRE ATIVADOS, POIS NUNCA
SE SABE QUANDO ESSAS PRAGAS PODERÃO ATACAR!



Nunca reclame...

Este Saiu mal na foto !!!